Postagem em destaque

COPA DAS ZEBRAS

sábado, 2 de agosto de 2014

Novo rosto


15 anos após um grave acidente, Richard Norris finalmente teve seu transplante de rosto concluido. Ele posou para a revista GQ e mostrou sua nova face.Nesta montagem é possível ver o antes, o durante e o depois de Richard Norris no processo de reconstrução do seu rosto Durante o processo, Norris foi submetido a dezenas de operações que chegaram ao limite do convencional. Então, o médico Eduardo Rodríguez decidiu emcabeçar a equipe que coordenaria o transplante de rosto foto de Richard Norris no dia da sua formatura (esquerda), primeira fase do transplante do rosto (centro) e fase final do transplante (direita) Fotografia © Handout - Reuters Um homem de 37 anos, ferido em 1997 num acidente com uma arma de fogo, foi submetido ao mais extenso transplante alguma vez efectuado para poder recuperar o rosto. Médicos do University of Maryland Medical Center anunciaram que Richard Lee Norris, de 37 anos, está a recuperar bem, após ter sido submetido a uma cirurgia de 36 horas na semana passada. Segundo os médicos, Richard já consegue sentir a sua cara, começou lentamente a escovar os dentes e recuperou o olfacto, que tinha perdido totalmente após um acidente com uma arma de fogo, em 1997, acerca do qual não foram revelados pormenores. Segundo o jornal britâncio "Daily Mail", durante 15 anos, Richard Norris viveu como um recluso, com o rosto escondido por uma máscara e só saindo à rua a horas noturnas. Agora, afirma Eduardo Rodriguez, o cirurgião que o operou, "vai ter a sua vida de volta", adiantando que "é uma experiência surreal olhar para ele agora depois de ter visto como estava antes. É difícil não ficar espantado". "Anteriormente as pessoas ficavam espantadas com a sua máscara e queriam perceber a deformação do seu rosto, mas agora vão ter outras razões para ficarem espantadas", afirmou Rodriguez. Este foi o maior transplante alguma vez realizado. Quando Richard Norris disparou contra si próprio, acidentalmente, uma arma de fogo, em 1997, perdeu o nariz, os lábios e a maior parte dos movimentos da boca. Realizou várias tentativas de reconstrução facial sem sucesso até que na semana passada recebeu um novo rosto de um dador anónimo. Seis dias depois da cirurgia, já consegue mexer a lingua e abrir e fechar os olhos, naquilo que já é considerado pelos médicos uma recuperação espantosa. "Quando Norris abriu pela primeira vez os olhos, após a cirurgia, pediu-me um espelho", conta o cirurgião Eduardo Rodriguez. "Agarrou no espelho e olhou para o seu novo rosto durante alguns momentos, depois baixou o espelho e abraçou-me". "Um acidente destes", afirma o cirurgião, "pode destruir tudo. Os amigos e colegas de Richard começaram a casar, a ter filhos, a comprar casa e a prosseguir com as suas vidas, mas ele só queria despertar do seu pesadelo".

Nenhum comentário:

Postar um comentário